Viagem

Aviles, a realidade vanguardista de Niemeyer

Pin
Send
Share
Send


Torre-Mirador, Niemeyer (C) Avistu

Como o Niemeyer, como é popularmente conhecido nas Astúrias, tanto na parte tangível quanto na intangível é a ponta de lança da uma vila antiga que se projeta para o século 21 e uma das principais atrações para os turistas que a visitam, incluindo celebridades como Brad Pitt, Kevin Spacey ou Woody Allen (que recomendaram as Astúrias como "o lugar perfeito para escapar do mundo”).

Niemeyer, a cúpula em obras (C) Avistu

Quem o conheceria em agosto de 2010, durante os dias de portas abertas e, dias depois, de visitas guiadas, teve o privilégio de ver as entranhas daquele embrião de monstro cultural. Um auditório com guindastes no interior, salas polivalentes onde cabos, como tentáculos de estranhas entidades invisíveis, surgiam das placas do teto, uma cúpula onde As escadas presidiam um espaço enorme. vazio de arte, mas cheio de possibilidades e uma torre adornada com andaimes que vigiavam os visitantes, embainhados, como os trabalhadores, em coletes refletivos e capacetes de proteção.

Hoje todas essas promessas foram finalizadas, a inauguração oficial foi realizada em março de 2011 e elas podem ser percorridas por dentro e por fora (incluindo parte do interior da Torre Mirador). Com dois acessos para pedestres em forma de duas pontes na Ria de Avilés, uma delas multicolorida, as cinco estruturas espaciais que compõem o Niemeyer são:

Torre. Com uma altura de 13 metros, torna-se um um ponto de vista sobre o estuário e a cidade. Possui um restaurante para um pequeno número de clientes, gerenciado pelo chef Koldo Miranda.

Niemeyer, Auditório (C) Avistu

O auditório. De fato, o prédio possui dois espaços para apresentações, a pequena Sala Club (onde Jam Sessions e shows são realizados em um ambiente mais íntimo, mais próximo dos artistas) e o próprio Auditório. Este último tem capacidade para mais de 1000 espectadores e tem uma característica original: se a ocasião exigir o fundo do palco também pode ser aberto em direção à praça com o que o público multiplica (como durante a inauguração massiva em que 1 pessoa assistiu ao concerto de Woody Allen e A banda de jazz de Nova Orleans) e uma tela na parte superior do edifício, do lado de fora, ajuda ninguém a perder detalhes. Como curiosidade, acrescentarei que o contorno gigantesco de uma mulher que pode ser vista de lado corresponde a uma figura feminina como as que o arquiteto podia ver da janela de seu estudo no Brasil.

O edifício multiuso. Abriga o bar Niemeyer Center, várias salas polivalentes para reuniões e conferências (como a que ocorreu no Blog Trip Asturias) e o Film Center, onde poltrona número 7 da linha 5 É nomeado após o renomado cineasta Woody Allen.

A cúpula. Uma estrutura impressionante de forma curiosa que parece estar semi-afundada no chão ou colocada como uma xícara de cabeça para baixo. Abriga diferentes exposições e possui um espaço, distribuído em dois níveis, com cerca de 4.000 m2.

A praça. Costumava percorrer cidades onde as praças sempre estão cercadas por prédios altos, o Niemeyer parece felizmente soberbo, as estruturas são integradas a ele e é um convite para a caminhada até altas horas da manhã. É, sem dúvida, uma caixa privilegiada para contemplar a cidade, o estuário e a Marina.

Niemeyer, Auditório (C) Avistu

Vídeo: Sensação incrível de passar em Medicina. Amanda Goulart (Dezembro 2021).

Pin
Send
Share
Send